Flávio Sousa lança romance no Solar Cultural da Terra

“A Caminho do Centro da Queda” é o primeiro romance do escritor Flávio Sousa que terá lançamento, com mediação de Jorge Serejo, ao final da tarde da próxima quarta-feira, 26, no Solar Cultural da Terra – Maria Firmina dos Reis (Rua Rio Branco – Centro Histórico). A obra foi publicada pela Ed. Hecatombe (selo político da Ed. Urutau), selecionada para integrar a coleção Kairós, em outubro de 2022.

Sinopse:

Ancorado numa juventude tardia, Leonel leva uma vida sem sobressaltos, espremida entre uma rotina burocrática e as ressacas matinais. Após se envolver num devaneio cinematográfico, entretanto, uma espiral de acontecimentos o força a abandonar o emprego em sua cidade natal e buscar refúgio na pequena propriedade rural do seu avô, envolta pelos sítios arqueológicos da Serra da Capivara. A abertura da caixa de memórias do seu avôhai, encravada em solo pré-histórico, é o fio que conduz a um outro olhar sobre o tempo, a memória e a finitude, em meio às vastas e belas solidões das paisagens do interior do Brasil.

Numa escrita que se equilibra entre a vertigem e a ternura, “A Caminho do Centro da Queda” não se esquiva de tratar de velhas contradições nacionais, ao mesmo tempo em que revela uma espécie de arqueologia íntima de errâncias e sonhos.

 

Para saber mais: https://www.instagram.com/s.flavio_/

 

 

 

(Da redação)

 

2 Responses

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

DIÁRIO DE BORDO NO JP

Vanessa Serra é jornalista. Ludovicense, filha de rosarienses.

Bacharel em Comunicação Social – habilitação Jornalismo, UFMA; com pós-graduação em Jornalismo Cultural, UFMA.

Atua como colunista cultural, assessora de comunicação, produtora e DJ. Participa da cena cultural do Estado desde meados dos anos 90.

Publica o Diário de Bordo, todas as quintas-feiras, na página 03, JP Turismo – Jornal Pequeno.

É criadora do “Vinil & Poesia” que envolve a realização de feira, saraus e produção fonográfica, tendo lançado a coletânea maranhense em LP Vinil e Poesia – Volume 01, disponível nas plataformas digitais. Projeto original e inovador, vencedor do Prêmio Papete 2020.

Durante a pandemia, criou também o “Alvorada – Paisagens e Memórias Sonoras”, inspirado nas tradições dos folguedos populares e lembranças musicais afetivas. O programa em set 100% vinil, apresentado ao ar livre, acontece nas manhãs de domingo, com transmissões ao vivo pelas redes sociais e Rádio Timbira.

PIX DIÁRIO DE BORDO SLZ
Publicidade

Publicidade
Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Arquivos