Dança dos Contrários – Josias Sobrinho apresenta novo álbum da série Canção em Canção, patrocinada pela Potiguar

Sotaques e ritmos maranhenses com a poesia e a genialidade singela de um grande artista. O projeto “Canção em Canção” apresenta o terceiro volume da série de dez discos, com músicas inéditas, do cantor e compositor Josias Sobrinho. O lançamento de “A Dança dos Contrários” vai ocorrer no dia 16 de junho, sexta-feira, em todas as plataformas digitais. 

A Dança dos Contrários – Esse é o título do novo disco com repertório todo dedicado ao período junino que leva a produção musical assinada pelo Maestro Zé Américo Bastos. A avant-première da obra acontece, de modo virtual, em seu canal oficial no YouTube, no dia 15 de junho, quinta-feira, às 7 da manhã.

“Parte dessas músicas é de um trabalho que fiz para uma série de vinhetas com ritmos maranhenses à Fundação Roberto Marinho; agora, tivemos a oportunidade de reunir em um só álbum, recebendo uma luxuosa produção musical, arranjos, sanfona, piano, samples, mixagem e masterização”, ressalta Josias Sobrinho.

As faixas de “A Dança dos Contrários” também têm parcerias com Zeca Baleiro, Túlio Borges, Gilberto Mineiro e Samarone Jr. E participações especiais do amo/cantador Lobato (Do Boi de Morros, sotaque de Orquestra), e dos músicos Cassiano Sobrinho e Lucas Sobrinho. Na ficha técnica incluem-se os músicos Israel Dantas, Marquinhos Carcará e Bira Trombone, mais backing vocal de Lenita Pinheiro, Kátia Espíndola e Lucas Sobrinho. As sessões de gravação se deram no Zap Estúdio, no Base Slz, no Bives, no Thinael e no Meu Estúdio. A capa de  “A Dança dos Contrários” é de César Ramos Jr.

Para ouvir em primeira mão, haverá audição nesta quarta-feira, 14, de “A Dança dos Contrários” na mpmwebradio.com.

O projeto “Canção em Canção” de Josias Sobrinho é patrocinado através da Lei Estadual de Incentivo à Cultura, Governo do Maranhão e Potiguar.

SERVIÇO:

LANÇAMENTO DO ÁLBUM A DANÇA DOS CONTRÁRIOS

VOL. 03 DO PROJETO “CANÇÃO EM CANÇÃO” DE JOSIAS SOBRINHO

SEXTA-FEIRA, 16 DE JUNHO, EM TODAS AS PLATAFORMAS DIGITAIS.

DIA 15 DE JUNHO, QUINTA-FEIRA, ÀS 7 DA MANHÃ, AVANT-PREMIÈRE, DE MODO VIRTUAL, NO CANAL OFICIAL NO YOUTUBE, HTTPS://WWW.YOUTUBE.COM/@JOSIASSOBRINHO.

MAIS INFORMAÇÕES: @JOSIASSOBRINHOOFICIAL

REALIZAÇÃO: ASSOCIAÇÃO CULTURAL DA MÚSICA MARANHÃO, VIA LEI DE INCENTIVO À CULTURA, GOVERNO DO ESTADO DO MARANHÃO.

PATROCÍNIO: POTIGUAR.

 

PARA SABER MAIS:

 

“Eu Tive Um Sonho” – Esse é o segundo álbum da série “Canção e Canção” de Josias Sobrinho lançado no mês passado. As dez faixas receberam produção musical de Israel Dantas, que assinou os arranjos, samples, violão de nylon e viola caipira. A mixagem e masterização foi do Maestro Zé Américo Bastos.

 

“Vida Bagaço, Um Tributo ao Rabo de Vaca” – Este é o primeiro lançamento do projeto reunindo a trilha musical do antológico grupo Rabo de Vaca (1977 – 1982), do qual Josias Sobrinho participou junto a outros jovens maranhenses, na época, iniciando carreira musical. O disco tem produção de Rui Mário ( com arranjos, sanfona e piano), Tiago Fernandes (violão sete cordas), Marquinhos Carcará (percussão), Dedé de Valença (baixo), Israel Dantas (violão nylon e viola), João Neto (flauta), Tião Lima (percussão), Vinícius Lima (percussão) e Roberto Chinês (cavaquinho em “Que Sonho”).

 

Canção Em Canção – O projeto terá, ao todo, dez discos lançados, durante o ano, totalizando 100 músicas inéditas do autor, capítulo fundamental na história da Música Popular do Maranhão e do Brasil.

A iniciativa marca os 50 anos de carreira e 70 anos de idade de Josias Sobrinho.

“Canção em Canção” é uma realização da Associação Cultural da Música Maranhão, via Lei de Incentivo à Cultura, Governo do Estado do Maranhão, e patrocínio da Potiguar.

Todo material é disponibilizado nas plataformas de streaming, na rádio Josias Sobrinho MPM Web Rádio (mpmwebradio.com) e no canal YouTube Josias Sobrinho_Oficial.

 

JOSIAS SOBRINHO – Considerado um dos mais importantes compositores de sua geração, Josias Sobrinho tem uma obra bastante representativa do período que compreende os anos setenta do século passado até a atualidade, sendo profícua sua contribuição para o que se constituiu como um cancioneiro verdadeiramente identificado com a tradição popular maranhense visto que seu trabalho é essencialmente fundado na diversidade de gêneros e estilos desenvolvidos pelo povo ao longo da história cultural do Maranhão. Contudo seu universo vai além das fronteiras geográficas de uma vez que sua música tem reconhecimento nacional e sua obra alcança universos criativos mais amplos.

Em 1978, Josias Sobrinho foi um dos compositores gravados por Papete no antológico “Bandeira de Aço”, produzido por Marcus Pereira, com as imprescindíveis “De Cajari Pra Capital”, “Engenho de Flores”, “Dente de Ouro” e “Catirina”. Outras vozes também beberam dessa fonte límpida como Diana Pequeno, Ceumar, Leci Brandão, Rita Benneditto, Betto Pereira, Vinaa, Fátima Passarinho, Flávia Bittencourt, PutaBend, Zeca Baleiro até a Xuxa já gravou música do Mestre Josias Sobrinho.

Acompanhe as redes sociais: @josiassobrinhooficial, e o canal no YouTube https://www.youtube.com/@JosiasSobrinho.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

DIÁRIO DE BORDO NO JP

Vanessa Serra é jornalista. Ludovicense, filha de rosarienses.

Bacharel em Comunicação Social – habilitação Jornalismo, UFMA; com pós-graduação em Jornalismo Cultural, UFMA.

Atua como colunista cultural, assessora de comunicação, produtora e DJ. Participa da cena cultural do Estado desde meados dos anos 90.

Publica o Diário de Bordo, todas as quintas-feiras, na página 03, JP Turismo – Jornal Pequeno.

É criadora do “Vinil & Poesia” que envolve a realização de feira, saraus e produção fonográfica, tendo lançado a coletânea maranhense em LP Vinil e Poesia – Volume 01, disponível nas plataformas digitais. Projeto original e inovador, vencedor do Prêmio Papete 2020.

Durante a pandemia, criou também o “Alvorada – Paisagens e Memórias Sonoras”, inspirado nas tradições dos folguedos populares e lembranças musicais afetivas. O programa em set 100% vinil, apresentado ao ar livre, acontece nas manhãs de domingo, com transmissões ao vivo pelas redes sociais e Rádio Timbira.

PIX DIÁRIO DE BORDO SLZ
Publicidade

Publicidade
Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Arquivos