Contagem regressiva para o amanhecer de São Pedro

(Foto: Vanessa Serra)

Contagem regressiva para o amanhecer de São Pedro, o encontro mais autêntico dos grupos de bumba-meu-boi, de maioria, sotaque de zabumba e Ilha, na temporada junina do Maranhão.

Uma iniciativa popular realizada pela própria comunidade cristã da Capela de São Pedro, na Madre Deus, onde, acontece na programação, além do encontro espontâneo das manifestações folclóricas no largo, as ladainhas, missas e a procissão marítima com saída nas primeiras horas do dia 29. Que maravilha! No detalhe, um zabumbeiro mirim do Boi de Guimarães, sotaque de zabumba, em registro de 2019.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

DIÁRIO DE BORDO NO JP

Vanessa Serra é jornalista. Ludovicense, filha de rosarienses.

Bacharel em Comunicação Social – habilitação Jornalismo, UFMA; com pós-graduação em Jornalismo Cultural, UFMA.

Atua como colunista cultural, assessora de comunicação, produtora e DJ. Participa da cena cultural do Estado desde meados dos anos 90.

Publica o Diário de Bordo, todas as quintas-feiras, na página 03, JP Turismo – Jornal Pequeno.

É criadora do “Vinil & Poesia” que envolve a realização de feira, saraus e produção fonográfica, tendo lançado a coletânea maranhense em LP Vinil e Poesia – Volume 01, disponível nas plataformas digitais. Projeto original e inovador, vencedor do Prêmio Papete 2020.

Durante a pandemia, criou também o “Alvorada – Paisagens e Memórias Sonoras”, inspirado nas tradições dos folguedos populares e lembranças musicais afetivas. O programa em set 100% vinil, apresentado ao ar livre, acontece nas manhãs de domingo, com transmissões ao vivo pelas redes sociais e Rádio Timbira.

PIX DIÁRIO DE BORDO SLZ
Publicidade

Publicidade
Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Arquivos