Coletivo Pantera apresenta “Lendas, Ritmos e Poesia da Ilha de São Luís” no Teatro Apolônia Pinto.

Nesta quinta-feira, 09, e sexta-feira, 10 de março, sempre às 19h30, o espetáculo “Lendas, Ritmos e Poesia da Ilha de São Luís”, do artista Hélio Martins, será apresentado no charmoso palco do Teatro Apolônia Pinto, situado no Museu Histórico e Artístico de São Luís, que fica localizado na Rua do Sol, 302, Centro.

A narrativa poética do espetáculo é composta por trechos de poemas de ZéMaria Medeiros, Brisa Rebouças, Sandro Fortes, Bandeira Tribuzi, Luís Carlos Alvim entre outras expressões maranhenses. 

O artista Hélio Martins traça um desenho em cena onde interpreta os versos através de sua performance e dança, integrando teatro, música e contação de histórias dentro da ludicidade da multilinguagem. O corpo fala ocupando diferentes espaços cênicos e sonoros.

A saber, Hélio Martins é um ator e bailarino, que marca o universo da dança em São Luís desde o final dos anos 80. Já são mais de 30 anos de carreira, com grandes momentos e intensas passagens pelo Teatro Laborarte e Ballet Olinda Saul no Maranhão. E estudos no tradicionalíssimo Curso Tablado, CAL de Laranjeiras, ambos no Rio de Janeiro – RJ.

Entre as grandes montagens que esteve no elenco estão: o ballet Dom Quixote, Copélia, o emblemático Sonho de Catirina entre outros.

O espetáculo “Lendas, Ritmos e Poesia da Ilha de São Luís”, do artista Hélio Martins, tem produção do Coletivo Pantera, fundado em 2018, tendo como trabalhos já realizados os espetáculos “Persona” e “Hem Hem”. Em 2021, apresentou espetáculos virtuais “Sou assim soul”, aprovados nos editais da Lei Aldir Blanc no Maranhão, disponíveis no YouTube.

 

SERVIÇO:

ESPETÁCULO “ LENDAS, RITMOS E POESIA DA ILHA DE SÃO LUÍS” DE HÉLIO MARTINS

DIA 09 E 10 DE MARÇO DE 2023. 19H30.

TEATRO APOLÔNIA PINTO, MUSEU HISTÓRICO E ARTÍSTICO, RUA DO SOL N°302, CENTRO.

INGRESSOS: R $30  (MEIA ENTRADA PARA ESTUDANTES, PROFESSORES E MAIORES DE 65 ANOS).

MAIS INFORMAÇÕES: @PANTERA_BALLET.

 

 

 

 

 

(Da redação, por Vanessa Serra, informações da Assessoria)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

DIÁRIO DE BORDO NO JP

Vanessa Serra é jornalista. Ludovicense, filha de rosarienses.

Bacharel em Comunicação Social – habilitação Jornalismo, UFMA; com pós-graduação em Jornalismo Cultural, UFMA.

Atua como colunista cultural, assessora de comunicação, produtora e DJ. Participa da cena cultural do Estado desde meados dos anos 90.

Publica o Diário de Bordo, todas as quintas-feiras, na página 03, JP Turismo – Jornal Pequeno.

É criadora do “Vinil & Poesia” que envolve a realização de feira, saraus e produção fonográfica, tendo lançado a coletânea maranhense em LP Vinil e Poesia – Volume 01, disponível nas plataformas digitais. Projeto original e inovador, vencedor do Prêmio Papete 2020.

Durante a pandemia, criou também o “Alvorada – Paisagens e Memórias Sonoras”, inspirado nas tradições dos folguedos populares e lembranças musicais afetivas. O programa em set 100% vinil, apresentado ao ar livre, acontece nas manhãs de domingo, com transmissões ao vivo pelas redes sociais e Rádio Timbira.

PIX DIÁRIO DE BORDO SLZ
Publicidade

Publicidade
Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Arquivos