Baile Jamaicano abre alas no Miolo Bar

DJ Joaquim Zion é idealizador do Baile Jamaicano

Gosta de reggae, calypso, merengue, cumbia, salsa, samba e outras milongas? E todos esses ritmos diretamente do vinil? Então, embarque nessa.

Saudando a cultura reggae que abraça música, dança, moda e estilo de vida, a dupla pioneira na discotecagem do vinil no Maranhão, Joaquim Zion (Rádio Zion) e Marcos Vinícius (Radiola Reggae) promove a I edição do Baile Jamaicano, nesta quinta-feira, 08 de fevereiro, no Miolo Bar – Av. Litorânea, das 20h até às 2h da manhã.

A iniciativa marca o calendário carnavalesco com a intenção de reunir a moçada apaixonada por esse gênero musical originário nos guetos da Jamaica, afinal, São Luís é a Capital Brasileira do Reggae.

Os Djs Joaquim Zion (Rádio Zion) e Marcos Vinícius (Radiola Reggae) comandam o line up, e recebem como convidada, a DJ Vanessa Serra, que levará uma sequência ouriçada especialmente para a ocasião.

DJ Joaquim Zion – Natural de Bequimão – MA. Joaquim Ferreira é pioneiro e referência na arte da discotecagem do vinil no Estado. É colecionador de vinil desde os 16 anos. Com o slogan “Som pra dançar e pensar”, Joaquim criou a Rádio Zion há 28 anos. Nos anos 90, foi produtor da célebre Banda Mystical Roots. É idealizador do Baile Black, no Maranhão, obras-primas do roots reggae, samba rock, original funk, dub, afrobeat, MPB, e outras raridades de um acervo de mais de cinco mil discos de vinil. E ao lado do parceiro e compadre Marcos Vinícius marcou época em São Luís com a “Sexta do Vinil”.

DJ Marcos Vinícius – Natural de São Luís – MA. Marcos Vinícius cresceu na efervescência cultural do bairro da Madre Deus e adjacências, apaixonando-se naturalmente pela cultura popular do Maranhão. É descendente de uma das matriarcas da Casa das Minas, um dos terreiros de religião de matriz africana mais importantes da América do Sul. É colecionador de discos de vinis, há mais de 25 anos. Sua pesquisa musical e vivência na Cultura Reggae em São Luís, deu bagagem para Marcos Vinícius ter se tornado um dos pioneiros na discotecagem 100% vinil no ritmo jamaicano. Já se apresentou em diversos municípios e capitais brasileiras. Dentro dos seus projetos mais relevantes está a SEXTA DO VINIL que realiza em parceria com o DJ Joaquim Zion. E o programa RADIOLA REGGAE por 22 anos no ar, na Rádio Difusora. Atualmente, é apresentador e produtor do programa Universidade do Reggae, na 106,9 FM.

DJ Vanessa Serra – É entusiasta da Cultura do Vinil. É colecionadora de discos desde a adolescência, hábito herdado da família. É DJ desde 2016. Entre suas escolhas abre-se um leque de variedades de ritmos e sotaques, desde elementos da cultura popular, às raízes nordestinas, afro-brasileiras, caribenhas aos gêneros universais como o soul, rock e jazz. Está no line dos mais importantes Festivais realizados no Maranhão. É criadora do “Vinil & Poesia” que envolve a realização de feira, saraus e produção fonográfica. Lançou o LP Vinil e Poesia – Vol. 1 (Prêmio Papete 2021). É autora do “Alvorada – Paisagens e Memórias Sonoras”, em set 100% vinil, ao ar livre, pelas redes sociais e Rádio Timbira.

 

SERVIÇO:

BAILE JAMAICANO

DJS JOAQUIM ZION, MARCOS VINÍCIUS, VANESSA SERRA.

QUINTA-FEIRA, 08 DE FEVEREIRO, 20H.

MIOLO BAR – AV. LITORÂNEA.

MAIS INFORMAÇÕES: https://www.instagram.com/miolobar/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

DIÁRIO DE BORDO NO JP

Vanessa Serra é jornalista. Ludovicense, filha de rosarienses.

Bacharel em Comunicação Social – habilitação Jornalismo, UFMA; com pós-graduação em Jornalismo Cultural, UFMA.

Atua como colunista cultural, assessora de comunicação, produtora e DJ. Participa da cena cultural do Estado desde meados dos anos 90.

Publica o Diário de Bordo, todas as quintas-feiras, na página 03, JP Turismo – Jornal Pequeno.

É criadora do “Vinil & Poesia” que envolve a realização de feira, saraus e produção fonográfica, tendo lançado a coletânea maranhense em LP Vinil e Poesia – Volume 01, disponível nas plataformas digitais. Projeto original e inovador, vencedor do Prêmio Papete 2020.

Durante a pandemia, criou também o “Alvorada – Paisagens e Memórias Sonoras”, inspirado nas tradições dos folguedos populares e lembranças musicais afetivas. O programa em set 100% vinil, apresentado ao ar livre, acontece nas manhãs de domingo, com transmissões ao vivo pelas redes sociais e Rádio Timbira.

PIX DIÁRIO DE BORDO SLZ
Publicidade

Publicidade
Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Arquivos