Natura apresenta Ekos Tukumã e reforça a importância do ácido hialurônico para a pele do corpo

Em edição especial, linha completa de antissinais para o corpo vem com ilustrações inéditas da artista indígena Winny Tapajós

 A Natura, multinacional brasileira de cosméticos, apresenta uma edição especial linha Natura Ekos Tukumã – que inovou ao trazer uma linha completa de antissinais corporais – agora com embalagens ilustradas pela artista indígena Winny Tapajós. A linha é produzida com óleo e manteiga de tucumã que, juntos, estimulam a produção e combatem a perda natural do ácido hialurônico, repreenchendo a pele até as camadas mais profundas, deixando-a mais firme e uniforme. A marca conta com ingredientes de origem natural à base de vegetais, é livre de ingredientes que podem prejudicar a pele e o meio ambiente e cruelty free, além de utilizar embalagens eco-eficientes.

A manteiga bruta e o óleo extraído da fruta do tucumã atuam de forma complementar na pele.  Enquanto o óleo inibe a perda do ácido hialurônico, a manteiga estimula sua produção natural. Com o uso contínuo, os resultados na pele são potencializados, trazendo desde uma ação imediata, como o combate a textura irregular da pele após o primeiro uso, até a renovação as camadas mais profundas. O tucumã é um fruto amazônico cujo nome em Tupi significa “fruta de planta espinhosa”. Sua árvore é sinônimo de regeneração na floresta por sua capacidade de renascer após queimadas.

“Com foco na bioinovação, apresentamos aos nossos clientes uma linha com resultados comprovados e impacto positivo, com o melhor da hidratação corporal e da floresta em pé. Com o tempo, a produção natural de ácido hialurônico da nossa pele diminui, deixando-a desidratada e áspera e é então que toda a potência antissinais de Natura Ekos Tukumã atua. É regeneração para a pele, para as comunidades e para a floresta”, comenta Denise Coutinho, diretora de Marketing da Natura Brasil. “Para esta edição especial, convidamos Winny Tapajós, mulher e artista indígena, para ilustrar as nossas embalagens. Estamos muito felizes com a parceria e seguimos com o nosso propósito de destacar a importância do empoderamento, do protagonismo feminino e da preservação da natureza”, finaliza a executiva.

Para as novas embalagens da linha, Winny Tapajós buscou destacar o protagonismo da mulher, a força regenerativa do tucumã, além de promover a importância da floresta em pé. “Poder fazer parte da construção deste projeto, ilustrando toda a poesia que é o processo de criação dos produtos, foi incrível. Pude me deparar com histórias fabulosas, pessoas e principalmente mulheres muito fortes e inteligentes que estão na base dessa produção”, comenta Winny Tapajós. “Eu, enquanto mulher nortista e artista, senti uma enorme responsabilidade e necessidade de entender esse contexto e apresentar essas mulheres como protagonistas, trazendo muita riqueza, cor e traduzindo da melhor forma possível essa história. Foi uma rica jornada, desde o início até a entrega das artes e, agora, ver os produtos ganhando vida e permitindo que muitas pessoas tenham contato com tudo isso, me faz brilhar os olhos”, finaliza a artista.

Natura Ekos é a única marca brasileira de cosméticos certificada pela UEBT (Union for Ethical Biotrade/União para o Comércio Ético em português), que garante que todos os ingredientes naturais são obtidos com respeito pelas pessoas, floresta e biodiversidade. Há mais de duas décadas, a marca foi vanguardista em trazer um olhar regenerativo para a Amazônia, transformando beleza em sustentabilidade. A marca uniu o conhecimento da floresta à tecnologia biocosmética para transformar bioativos em tratamentos de alta performance para cuidados pessoais e praticando o biocomércio com as comunidades locais, possibilitando vida digna às pessoas e evitando que elas optem por derrubar árvores nativas para gerar renda.

Para celebrar o lançamento, as vitrines de todas as lojas físicas da Natura também contarão ativações feitas de materiais 100% recicláveis, com zero utilização de plástico em sua composição.

 

 

 

 

(DA REDAÇÃO, com informações da Assessoria) 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

DIÁRIO DE BORDO NO JP

Vanessa Serra é jornalista. Ludovicense, filha de rosarienses.

Bacharel em Comunicação Social – habilitação Jornalismo, UFMA; com pós-graduação em Jornalismo Cultural, UFMA.

Atua como colunista cultural, assessora de comunicação, produtora e DJ. Participa da cena cultural do Estado desde meados dos anos 90.

Publica o Diário de Bordo, todas as quintas-feiras, na página 03, JP Turismo – Jornal Pequeno.

É criadora do “Vinil & Poesia” que envolve a realização de feira, saraus e produção fonográfica, tendo lançado a coletânea maranhense em LP Vinil e Poesia – Volume 01, disponível nas plataformas digitais. Projeto original e inovador, vencedor do Prêmio Papete 2020.

Durante a pandemia, criou também o “Alvorada – Paisagens e Memórias Sonoras”, inspirado nas tradições dos folguedos populares e lembranças musicais afetivas. O programa em set 100% vinil, apresentado ao ar livre, acontece nas manhãs de domingo, com transmissões ao vivo pelas redes sociais e Rádio Timbira.

PIX DIÁRIO DE BORDO SLZ
Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Arquivos